Serial Killer que bebia o sangue de suas vítimas é preso no bairro Tijucal

Da redação

A Polícia Militar de Mato Grosso prendeu na noite desta terça-feira (11) um bandido de alta periculosidade, com mandado de prisão em aberto, que matava e comia os órgãos de suas vítimas. Os crimes ocorreram no estado de Rondônia.

A prisão do suspeito aconteceu no bairro Tijucal, em Cuiabá. Conforme o registro da ocorrência, o grupo de apoio do 9º BPM estava em rondas pelo bairro Tijucal, quando recebeu uma denúncia anônima, relatando que na rua 205, em uma casa de grades abertas e sem pintar, teria um indivíduo foragido da justiça.

Diante da denúncia, a equipe se deslocou até o endereço onde localizou o suspeito. Durante abordagem, o homem se apresentou como Aparecido Almeida da Silva.

Quando os agentes realizaram a checagem, o RG apresentado indicou algumas inconsistências e, após checagem, foi constatado que era falso. Em continuidade à ocorrência, suspeito confirmou que estava utilizando um documento falso e ainda se negou a informar sua identidade aos militares.

Sendo assim, foi dada voz de prisão ao suspeito por uso de documento falso. Já na delegacia, os policiais descobriram a verdadeira identidade do acusado, que se trata de Djalma Campos Figueiredo, 46 anos.

O suspeito possui mandado de prisão em aberto expedido pela Justiça de Rondônia. O criminoso é conhecido na cidade por matar suas vítimas com requintes de crueldades e ainda se vangloriar por comer seus órgãos.

O próprio assassino fazia questão de contar como matava as vítimas e as crueldades que fazia durante o crime. Ele confessou que de uma vítima comeu o olho, da outra e orelha e de uma terceira teria bebido o sangue.

Ele foi julgado e condenado a quase 50 anos de prisão, cumprindo pena no presídio Urso Branca em Porto Velho, mas conseguiu fugir. Em 2018 ele foi preso novamente, mas pela segunda vez conseguiu fugir do presídio, e se mudou para o estado de Mato Grosso. O acusado deverá ser entregue à justiça de Rondônia.

 

Rufando Bombo

Matéria anterior

Filha de Ex-senadora pode disputar Senado pelo Cidadania

Próxima matéria

Trânsito da parte inferior da trincheira Jurumirim será liberado nesta sexta-feira

[gs-fb-comments]