• 21 de janeiro de 2020

“Vou investir na educação dos meus filhos ” diz um dos ganhadores da mega da virada em MT

Do UOL Bruna Barbosa

Ganhador de uma das 26 cotas do bolão da Mega da Virada de Juscimeira (MT), que preferiu não ter a identidade revelada, conta que não tem planos de gastar o dinheiro tão cedo. Funcionário público, ele pretende aplicar o dinheiro em uma poupança para arcar com gastos de estudos dos dois filhos, de seis e dez anos. A aposta foi feita em “sociedade” com quatro amigos, todos receberão cerca de R$ 600 mil.

A estratégia do grupo foi comprar todos os bilhetes “surpresinha”, número escolhidos pela máquina da lotérica Triunfo, única da cidade. Ele conta que, no dia 31 de dezembro, data em que o sorteio foi realizado, estava na casa de um primo quando descobriu que parte dos ganhadores da Mega da Virada era de Juscimeira.

“Na hora olhei em um site, fui até minha esposa e disse: ‘Acertamos agora’. Meu primo também tinha jogado, mas não acertou nada. Ele e a mulher dele que viram minha emoção. Foi uma benção”, comemora.

Já era um costume de todos os anos os bilhetes de apostas ficarem sob tutela dele, porém, o trabalhador explica que no final de 2019 estava muito atribulado com tarefas de trabalho e outros compromissos. Por conta disso, preferiu deixar a responsabilidade com um dos amigos.

“Ele não estava nem aqui [em Juscimeira], estava em São Paulo. Liguei e ele explicou onde estava o bilhete na casa dele, sabia que era uma pessoa confiável e que guardaria. Fui lá e pegamos, foi quando conferi os números. Foi uma emoção maravilhosa”, conta.

O funcionário público prefere manter discrição sobre o prêmio, apenas amigos e familiares mais íntimos sabem que ele foi um dos ganhadores. No total, o grupo gastou cerca de R$ 200 com as apostas.

“Foi uma média de R$ 51 para cada. Sempre jogamos, tenho uma poupança onde guardamos o dinheiro das apostas”, conta.

A atendente da lotérica onde as apostas foram feitas, Jaqueline Rodrigues, conta que alguns dos ganhadores pediram para que a notícia ficasse em sigilo. Como a cidade é muito pequena, com cerca de 11 mil habitantes, os boatos sobre a Mega da Virada se espalharam rápido entre os moradores.

Como trabalha no estabelecimento há oito anos, Jaqueline acabou criando relações de amizade com os apostadores assíduos. Assim como o funcionário público que costuma jogar na loteria com frequência.

Ano de sorte

Ele brinca com o fato de a sorte estar “rondando” a cidade de Juscimeira, já que, esse ano, ele e os amigos também já ganharam outras três vezes na loteria. Porém, o prêmio da Mega da Virada foi o de maior valor até agora.

“Ganhamos na Lotofácil, com 14 números e na Mega-Sena, chegamos acertar quatro. Foram, aproximadamente, R$ 3.900 mil divididos entre nós cinco”, lembra.

Parte do prêmio de R$ 304 milhões da Mega da Virada também foi para um dos primos do funcionário público. No total, cada uma das cotas ganhadoras de Juscimeira foi premiada com R$ 2,9 milhões.

Para o ganhador , fato de a premiação ter sido “espalhada” pela cidade é um motivo de alegria. “Mesmo tendo sido dividido é um bom dinheiro, todo mundo fica feliz e são várias famílias ganhando”, avalia. 

O ganhador explica que não pretende fazer gastos mirabolantes, apesar de a filha ter brincado que agora ele poderia comprar o Chevrolet Spin, avaliado em R$ 69.890 mil, que viram em uma loja recentemente. “Falei para ela que agora não, temos que pensar direitinho”, afirma.

A preocupação do funcionário público antes das boas novas era com relação aos estudos dos filhos, já que a menina mais nova terminou a creche e o mais velho vai começar a sexta série. Ele conta que matriculou a filha em uma escola particular e já pensava no futuro, quando ambos fossem começar uma faculdade.

“Sabia que teria que ‘ralar’, porque as mensalidades são muito caras. Agora sei que vão estar amparados no futuro”, diz.

Conforme a assessoria da Caixa Econômica Federal, até ontem, seis cotas ganhadoras já haviam sido retiradas. A do funcionário público é uma delas e ele comemora por saber que na semana que vem o dinheiro já deve estar na conta.

Rufando Bombo

Matéria anterior

Bolsonaro comete “estelionato moral” ao falar sobre fundo eleitoral, diz Joice

Próxima matéria

Bolsonaro: “tenho minhas suspeitas de quem matou ​Marielle”

Faça um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *