TV Rufando

Seo Pedroso, Uma alfaiate centenário em Cuiabá , veja aqui a entrevista completa

Cuiabá, noite de 04 de abril de 2018. Salão superlotado para o aniversário. Ao seu lado a família. Num ambiente festivo com muitos convidados, inclusive figuras de destaque ele é o centro das atenções.

Não é fácil narrar a trajetória centenária de seo Pedroso, que até subir ao altar em 1950 com dona Ivone, ora estava numa ora em outra cidade. A dificuldade é encontrar espaço para narrar suas andanças por Corumbá, Aquidauana, Campo Grande e Rio de Janeiro, mas se dependesse apenas do que ele revela não haveria problema algum, pois sua memória, a clareza de sua voz mansa e sua rapidez de raciocínio podem produzir um grande e bom livro recheado com sua vida pautada pelo trabalho, a vontade de se aprimorar profissionalmente e a dedicação familiar. Isso, claro, sem abrir mão de uma Brahma bem gelada que ele sempre gostou e que incontáveis vezes foi pano de fundo – sem trocadilho com sua profissão – nas longas conversas com o amigo escritor Rubens de Mendonça no extinto Bar do Bugre.

Filho de seo Armindo e dona Jorgina Pedroso Dias, ambos poconeanos, seo Pedroso também nasceu em Poconé. Os Pedroso tiveram dois filhos, Euclides, o caçula, que morreu vítima de varíola, e ele. A vida naquela cidade não estava fácil. Em 1929 sua família decidiu tentar a sorte em Cuiabá. Naquele ano, ao ser matriculado no internato do Colégio Salesiano São Gonçalo, ao lado do saber também encontraria sua profissão.

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close