TV Rufando

Emanuel Pinheiro se desculpa pessoalmente a vendedor de picolé chamado de vagabundo por fiscal; vídeo

DO OLHARDIRETO

A repercussão negativa da abordagem de um fiscal da Prefeitura de Cuiabá que teria chamado o vendedor de picolé Pedro, 63, de “vagabundo”, em Cuiabá, levou o prefeito, Emanuel Pinheiro (PMDB), a procurar pelo ambulante e se desculpar em nome do município. A situação foi registrada na tarde de terça-feira (21), na Praça Ipiranga, e mobilizou dezenas de pessoas que saíram em defesa do vendedor.

Na ocasião, o idoso rebate o xingamento e diz não ser “vagabundo”. A Polícia Militar (PM) chegou a intervir na situação para acalmar os ânimos dos populares. Ao tomar conhecimento do caso, registrado em vídeo e compartilhado centenas de vezes pelas redes sociais, o secretário da Ordem Pública, coronel Leovaldo Sales, relatou a ocorrência ao prefeito.

Os dois estiveram na casa do vendedor na manhã de quarta-feira (22), onde se desculparam e o tranqüilizaram. A ação foi divulgada no Facebook de Emanuel, que considerou a abordagem como inadequada, chamando-a de “incidente”. Na postagem, ele afirma compreender o estresse ao qual a maioria dos trabalhadores é submetido, afirmando que isso na pode deixá-los menos humanizados, gentis e solidários.

“Se pararmos pra analisar a vida e o convívio em sociedade, vamos perceber que temos mais semelhanças do que diferenças. Temos mais pontos a nos unir do que a nos dissociar. A visita ao seu Pedro e o pedido de desculpas foi um pequeno gesto, mas carregado de simbolismo do papel que entendo ser reservado ao prefeito de uma cidade. Alguém capaz de conciliar os conflitos e de garantir um convívio mais harmonioso entre as pessoas”, diz.

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close