Politica

Sucessão 2016; Rede e Psol realizam convenções neste sabádo e lançam seus candidatos a prefeito de Cuabá

A Rede Sustentabilidade e o Partido do Socialismo e Liberdade (Psol) serão os primeiros partidos a oficializar candidatura a prefeito de Cuiabá nas eleições de outubro. O historiador Renato Santana será oficializado candidato a prefeito de Cuiabá pela Rede Sustentabilidade em convenção partidária que será realizada no sábado (23), a partir das 14h na Escola Estadual Presidente Médici, localizada na Avenida Mato Grosso.

O partido foi idealizado nacionalmente pela candidata derrotada à Presidência da República, Marina Silva, e o ano de 2016 marca sua estreia nas urnas. No mesmo dia e horário, o Psol vai oficializar a candidatura do procurador da Fazenda Nacional, Mauro Cesar Lara de Barros, o Procurador Mauro, do Psol.

A convenção partidária será realizada na ADUFMAT (Associação de Docentes da Universidade Federal de Mato Grosso), localizada nas dependências da UFMT. Conhecido pelo lambadão em seus jingles de campanha, o procurador Mauro é figura conhecida do eleitor cuiabano.

Em 2006, apareceu pela primeira vez no cenário político ao ser candidato ao governo do Estado. Dois anos depois, reapareceu como candidato a prefeito de Cuiabá.

Em 2010, concorreu ao Senado e teve como grande trunfo na campanha eleitoral ter recebido mais votos em Cuiabá do que o petista Carlos Abicalil, que tinha o apoio dos governos estadual e federal. Em 2012, concorreu novamente a prefeito de Cuiabá e surpreendeu ao obter a terceira colocação, deixando para trás figuras de peso como o atual presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Guilherme Maluf (PSDB), e o ex-presidente da Câmara Municipal de Cuiabá e ex-deputado estadual Carlos Brito, que concorreu naquele ano pelo PSD.

Em 2014, quando concorreu a uma vaga na Câmara dos Deputados, Procurador Mauro não veio a ser eleito para deputado federal por conta dos critérios de proporcionalidade. Isso porque obteve 84.208 votos, sendo o sétimo mais votado de um total de oito vagas reservadas a Mato Grosso.

Porém, perdeu a vaga para o deputado federal Valtenir Pereira (PMDB), eleito com 62.923 votos. Procurador Mauro ainda obteve mais votos que o deputado federal Victorio Galli (PSC), eleito em 2014 com 64.691 votos. Em Cuiabá, Procurador Mauro foi o candidato a deputado federal com a maior votação entre os 113 que disputaram as oito vagas na Câmara Federal: 58.528 votos.

Tags
Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close