Politica

Promessa cumprida, já como prefeito Emanuel diz que vai vetar o aumento dos salários dos Vereadores

O prefeito empossado de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB) afirmou que o início de sua gestão será marcada pela austeridade. “Essa é a palavra de ordem”, declarou o peemedebista, ciente da crise econômica que assola o Brasil.

Emanuel confirmou que nesta segunda-feira anuncia as primeiras medidas de contenção de despesas que promoverá na prefeitura de Cuiabá. “Serão várias medidas de contenção de despesa, de combate ao desperdício, de respeito ao erário e de responsabilidade fiscal”, disse.

Uma das medidas a serem tomadas, é o veto ao reajuste salarial do prefeito, vice e vereadores de Cuiabá. Emanuel afirmou que o reajuste, além de impróprio para o momento, possui ilegalidades que impedem sua sanção.

“Vou vetar por não ser o momento, não ser oportuno. Se estamos buscando o equilíbrio fiscal e estamos prevendo um ano difícil, em que todos devemos apertar o cinto, como é que eu posso permitir o aumento de salário do prefeito, do vice e dos próprios vereadores? É hora de cortar na própria carne”, disse.

Emocionado, o prefeito declarou que realiza um sonho de infância ao chegar ao Palácio Paiaguas. “Como filho desta terra, estou nas nuvens em poder imaginar que serei o prefeito da Cuiabá dos 300 anos. Que vou dirigir os destinos da terra em que nasci, da terra que tanto amo”.

Tags
Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close