Policia

Fim do mistério; depois de 29 dias , estudantereaparece misteriosamente , ele estaria em Rondônia

A Gazeta

O estudante universitário Nerivaldo da Silva Amorim Filho, 22, desaparecido desde o dia 27 de março, após deixar o campus da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT) reaparece e procura a Polícia Civil, na tarde desta terça-feira (25).

Facebook

Nerivaldo estava em Rondônia e não comunicou a família

Ele estaria todo este tempo no estado de Rondônia e teria deixado de se comunicar com familiares. Decidiu voltar para Cuiabá depois de saber da repercussão de seu desaparecimento e ao saber que vinha sendo procurado pela Polícia.

Ele foi ouvido por policiais civis do Núcleo de Desaparecidos da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), e explicou o motivo de ter se ausentado por 29 dias e não ter comunicado da família.

Durante este período a mãe e a namorada de Nerivaldo procuraram a imprensa para divulgar o desaparecimento do jovem. A delegada Silvia Regina Biaggi disse que não vai divulgar o teor das declarações e que as informações sobre o caso devem ser passadas pela família.

O sumiço – Nerivaldo falou com a noiva na tarde de segunda-feira, dizendo que deixava o campus e seguia para casa. Foi o último contato mantido com a família, por volta das 16h.
Estudante do curso de Engenharia Elétrica, deixou a residência no Parque Cuiabá e por volta das 12h e foi para a universidade.

Familiares teriam se deseperado porque o estudante não teria o costume de sair sem avisar ou dormir fora de casa.

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close