Policia

Após discussão no transito tenta matar grávida na porta de hospital em Cuiabá

Grávida de seis meses, uma mulher de 39 anos foi perseguida por um taxista e quase atropelada, nos fundos do Hospital Maternidade Femina, no bairro Baú, em Cuiabá. A tentativa de homicídio aconteceu no início da tarde de quarta-feira (05), após uma discussão de trânsito.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado pelo advogado da vítima, a confusão começou após o taxista não dar passagem ao veículo da mulher.

Conforme a versão da denúncia, a mulher buzinou várias vezes e acabou encostando no para-choque do táxi, sem querer.

A partir daí o taxista passou a perseguir o carro da mulher, até os fundos do hospital, onde ela estacionou.

Ela relata que o taxista tentou a atropelar, quando ela saiu do carro e se dirigia em direção ao hospital. Segundo o boletim de ocorrência, o agressor chegou a invadir a unidade de saúde durante a manobra.

A situação, conforme denúncia do advogado, foi testemunhada por uma enfermeira do hospital.

A vítima conseguiu apenas anotar a placa do carro do agressor, que é de Várzea Grande.

O caso é investigado pela Polícia Civil.

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close