• 20 de fevereiro de 2020

Pilotos de MT sofrem acidentes em campeonato de motocross, Veja o vídeo

Por globoesporte.

Os oitos finalistas do Duelo de Motos já sabiam que a parada seria dura em Atibaia, no interior de São Paulo. Em busca das melhores manobras, no entanto, dois brasileiros assustaram o público na manhã deste domingo: Joaninha e Fred Kyrillos. Kyrillos, que estava em busca do tetracampeonato, caiu no aquecimento para as quartas de final ao tentar fazer um front flip, um mortal para frente.

Na semifinal, Joaninha – que é vereador em Sinop (480 quilômetros de Cuiabá) – perdeu o contato dos pés com a moto em um dos saltos e caiu feio. Um baita susto para o público, que só ficou mais tranquilo depois que o piloto fez um aceno positivo enquanto era imobilizado para entrar na ambulância.

O repórter Filipe Cury, que estava próximo ao piloto no momento do atendimento médico, acompanhou a colocação de um colar cervical e notou que Joaninha se queixava de dores no ombro e na perna esquerda. Após os primeiros exames, foi constatado que o brasileiro teve uma fratura exposta no fêmur e precisará passar por uma cirurgia.

A queda de Kyrillos, ainda no aquecimento, também preocupou o público. Com lesões no ombro direito, joelho e tornozelo esquerdo, Fred não pôde participar da competição, ficando de fora da disputa pelo seu quarto título.

O risco de realizar o front flip ficou evidente durante toda a semana do Duelo de Motos. Na sexta-feira, durante os treinos livres, Tatá Pelegrino também se acidentou ao tentar completar a manobra. O piloto acabou rompendo os ligamentos do ombro e ficou na torcida durante a competição no domingo.

Rufando Bombo

Matéria anterior

Blitz da lei seca prende 8 motoristas por dirigir embriagados e remove 16 veículos

Próxima matéria

Homocentro faz campanha para atrair doadores de sangue visando o período de carnaval

Faça um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *