• 21 de janeiro de 2020

Levantamento do MT Prev mostra que quase 80% dos aposentados receberam o benefício antes dos 60 anos

Dos 28,7 mil servidores aposentados do Estado, 22,2 mil (77,5%) receberam o benefício antes de completar os 60 anos de idade.

A informação consta em levantamento feito pelo Mato Grosso Previdência (MT Prev).

De acordo com o relatório, 2.073 servidores (7,21%) se aposentaram antes dos 45 anos; 4.229 (14,72%) entre 45 e 50 anos; 9.580 (33,36%) entre os 50 e 55 anos; e 6.405 (22,30%) entre os 55 e 60 anos.

Já os servidores que se aposentaram entre os 60 e 65 anos somam 4.347 (15,13%) e os que conseguiram o benefício após os 65 anos representam 2.082 (7,28%). O tempo média de duração da aposentadoria dos servidores do Executivo é de 28 anos.

Aqui no Estado, a Reforma está sendo debatida no Conselho da Previdência e, após votação, será encaminhada para a Assembleia Legislativa.

Parte dessa reforma, que aumenta a alíquota de contribuição do servidor estadual por efeito de imposição da reforma nacional (de 11% para 14%), já tramita na Assembleia e deve ser votada ainda neste mês.

Vale lembrar que a alíquota mínima de 14% está em vigor nos estados que já aprovaram a reforma, assim como nas propostas dos estados que estão com suas reformas em andamento.

Além de Mato Grosso, outros 13 estados também buscam a aprovação de uma reforma previdenciária aos seus servidores: Rondônia, Roraima, Amapá, Pará, Tocantins, Rio Grande do Norte, Sergipe, Paraíba, Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina.

A urgência de aprovação desta medida em Mato Grosso se dá pelo crescente “rombo” na previdência, que pode chegar a R$ 31 bilhões em 2029. Além disso, a previsão é que até 2023 o número de servidores aposentados supere o de servidores ativos no Estado.    

FONTE SECOM MT

Rufando Bombo

Matéria anterior

Mundo Cão; Polícia prende homem que tentou arrancar coração da Mãe

Próxima matéria

Mauro Carvalho comenta sobre entrada de Pivetta na disputa pelo Senado, veja aqui

Faça um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *