Economia

Caos: Motoristas de ônibus param em cuiabá e VG

TVCA

Os Funcionários do transporte coletivo de Cuiabá e Várzea Grande, na região metropolitana da capital, fazem uma paralisação desde a madrugada desta segunda-feira (10). Eles alegam que estão com problemas no pagamento de salários e decidiram não trabalhar.

O sindicato dos funcionários do transporte público de Cuiabá dizem que o problema se arrasta há seis meses. Os trabalhadores e as empresas fizeram um acordo coletivo que previa o pagamento do salário no quinto dia útil de cada mês, o que não aconteceria de fato.

Os funcionários alegam que recebem o salário somente a partir do dia 19 e 20 de cada mês.

Os pontos de ônibus e estações amanheceram vazios na capital e em Várzea Grande.

Os trabalhadores prometem ficar com os braços cruzados até que os representantes das empresas deem um posicionamento sobre a situação.

A paralisação afeta 270 mil usuários e atinge 100% do transporte público da Grande Cuiabá.

OUTRO LADO

A assessoria de comunicação da Associação Mato-grossense dos Transportes Urbanos (MTU) informou que as empresas de ônibus estão com dificuldades financeiras por conta do “sobe e desce” da tarifa. Desde o início do ano, por diversas vezes a tarifa oscilou entre R$ 3,85 e R$ 4,10, em virtude de decisões do Tribunal de Contas.

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close