Cotidiano

Por falta de repasses, escolas estaduais não funcionam nesta Terça-Feira

DA REDAÇÃO

Alunos de 774 escolas estaduais de Mato Grosso não terão aula nesta terça-feira (7) devido à paralisação das atividades por falta de repasses do Governo do Estado.

 

A paralisação é um protesto contra a falta de repasse financeiro para o custeio de serviços básicos como alimentação e higiene dos alunos.

 

A decisão foi tomada por diretores de escolas em audiência realizada na sexta-feira (3), na Escola Estadual Liceu Cuiabano, em Cuiabá.

 

Conforme os diretores das escolas, a segunda parcela do Projeto Político Pedagógico e do Programa de Desenvolvimento da Escola (PDE), que corresponde a R$ 7 milhões, não foi repassada pela Secretária de Educação (Seduc).

 

O presidente do Colegiado de Diretores de Cuiabá e do Vale do Rio Cuiabá, Dimas Antônio Silva, afirma que a paralisação é necessária porque o Governo só fez um dos quatro repasses previstos para 2018.

 

Cada escola recebe R$ 68 por aluno ao longo do ano para despesas de custeio, como gás de cozinha para a cantina, papel higiênico, entre outros.

 

De acordo com o presidente, apenas o primeiro repasse de março foi pago e 30% da parcela prevista inicialmente para maio.

 

“O Governo também alterou a data do segundo pagamento para junho e, mesmo assim, não quitou o restante de 70%. Agora, temos o repasse de setembro e dezembro que ninguém sabe como ocorrerá. Em 2016 e 2017, recebemos apenas nos últimos dias do ano, o que fez com que os diretores comprassem fiado e ficassem inadimplentes ao praticar esse algo ilegal”, disse presidente.

 

O diretor da Escola Estadual Liceu Cuiabano, Alceu Trentin, afirma que o fornecedor de botijão de gás já avisou que não atenderá mais fiado a unidade.

 

“Sem pagamento, como abrir as portas para receber aluno sem merenda, sem papel higiênico nos banheiros, sem nada. É melhor fechar mesmo, pois não aguento mais ver os diretores usando o próprio nome para comprar fiado coisas que são obrigação do governo”, afirmou Trentin.

 

O Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep) agendou um ato está marcado para ser realizado pelos gestores às 14h, em frente ao Palácio Paiaguás, no Centro Político Administrativo.

 

FOTO: Tony Ribeiro/MidiaNews

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close