Cotidiano

Investimentos na saúde básica: Cuiabá entrega 25 obras da Atenção Básica que estavam paralisadas

Em apenas dois anos, 25 unidades da Atenção Básica de Saúde em Cuiabá, incluindo diversos esqueletos de obras inacabadas e paralisadas em gestões anteriores e ainda unidades básicas de saúde que estavam com suas estruturas físicas extremamente precárias há décadas, foram entregues pela gestão Emanuel Pinheiro à população, totalmente concluídas, revitalizadas, equipadas, climatizadas. Algumas até dobraram o número de equipes odontológicas.

Dentre elas estão os Centros de Saúde (CS) Tijucal, São Gonçalo Beira Rio, Parque Cuiabá e Dom Aquino, Programas de Saúde da Família (PSFs) Jardim Fortaleza, Jardim Vitória, Novo Millenium/São João Del Rey, Altos da Serra I e II, Renascer, Dr. Fábio I e II, Jardim Araçá, Santa Amália, Jardim Florianópolis, Jardim União, Bela Vista/Carumbé, Pedra 90 I e II, e ainda os Centros Odontológicos (CEO) Osmar Cabral, Verdão, Jardim Leblon, Tijucal e Pascoal Ramos.

De acordo com o diretor de obras da Secretaria Municipal de Saúde, Wellington Simões, as frentes de trabalho entregues e outras 32 que estão em etapa de finalização devendo ser concluídas nos próximos meses, fazem parte do pacote de 67 obras que estavam paralisadas e ou não iniciadas há muitas gestões e em vias de perderem os recursos.

“Tratam-se de obras que possuíam aportes paralisados em caixa há muito tempo e, por essa razão, seriam devolvidos às fontes oficiais. Nos primeiros dias de gestão, o prefeito Emanuel determinou uma força-tarefa para recuperá-los e graças a Deus estamos conseguindo vencer os entraves. Concluímos as 25 e estamos finalizando outras 32 obras nas quais se incluem às Unidades Básicas de Saúde (USB) porte III – que comportam até três Equipes de Saúde da Família (ESF), São João Del Rey, Nico Baracat e Santa Terezinha/Itapajé e a de porte II – até duas ESF, Parque Ohara”, explicou Simões.

Para se ter dimensão dos avanços conferidos à Atenção Básica, o secretário de Saúde, Luiz Antônio Possas de Carvalho elucida que apenas com as USBs porte III e II que serão inauguradas no próximo semestre, aliadas às que já foram entregues em aproximadamente 11 bairros das adjacências do Coxipó, a SMS alcançará 82% de cobertura populacional na Regional Sul.

“Com estes investimentos, a exemplo do que está sendo feito na Região Sul, o prefeito Emanuel Pinheiro está cumprindo a promessa de promover a humanização dos serviços e fortalecer a promoção e prevenção em Saúde nas bases. Além de desafogar as unidades secundárias e terciárias, a iniciativa da gestão contempla 100% da população cuiabana que depende exclusivamente do Sistema Único de Saúde da Capital”, finalizou.

Foto Secom Cuiabá

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close