• 14 de outubro de 2019

Avassalador no início, Fla é carregado pela torcida às quartas

DO GLOBOESPORTE

Para contar a história de Flamengo 2 x 0 Emelec é necessário voltar algumas horas antes do jogo. Toda a atmosfera criada ao longo desse 31 de julho influenciou no que aconteceu em campo. A torcida foi ao Ninho do Urubu apoiar a equipe à tarde. Horas depois, “corredor de fogo” na chegada ao estádio, sinalizadores… O Maracanã é acostumado com festa. Mas nessa quarta-feira foi especial. Impossível o time não se contagiar. E o Rubro-Negro deve muito a sua torcida o fato de estar classificado, após nove anos, para as quartas de final da Libertadores.

Dentro do estádio, com quase 70 mil vozes gritando e cantando sem parar, o Flamengo correspondeu. Foram 25, 30 minutos de intensidade total, em que o time praticamente não deixou o Emelec respirar. Tempo necessário para o Flamengo marcar duas vezes com Gabigol e acabar com a vantagem dos equatorianos.

Gabigol, mais uma vez, foi decisivo para o Flamengo: 22 gols em 2019 — Foto: André Durão

Gabigol, mais uma vez, foi decisivo para o Flamengo: 22 gols em 2019 — Foto: André Durão

Fora a incrível chance perdida pelo próprio Gabigol com apenas três minutos de jogo, tudo deu muito certo para o Flamengo no primeiro tempo. Pelo lado direito, Rafinha, Gabigol e Everton Ribeiro – apesar de nitidamente ainda não estar em seu melhor ritmo – envolveram os equatorianos. Na esquerda, Gerson, cada vez mais à vontade, se entendeu com Bruno Henrique.

Em 19 minutos o Flamengo já vencia por 2 a 0 e passava a impressão de que poderia resolver a classificação no primeiro tempo. Mas não resolveu… e acabou sofrendo por isso.

Rufando Bombo

Matéria anterior

Aula de Funcional marca estreia da academia do Espaço Cuidar Unimed

Próxima matéria

Estado faz “folha extra” e paga ponto cortado dos professores que retornaram a sala de aula , entre 15 a 30 desse mês

Faça um comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *