Artigos

Pedro Taques e o funcionalismo público/ Por Max Campos

A valorização do servidor público de carreira e a revitalização dos órgãos do Executivo foram os compromissos que o candidato a governador o então Senador Pedro Taques, afirmou que garantiria em sua gestão quando em campanha iniciada em 2014.

No Plano de Governo a época Pra Mudar Mato Grosso” estava bem claro: vamos valorizar a atuação do servidor público. A idéia era utilizar o conhecimento dos servidores efetivos para aprimorar a gestão. Afinal, os governos passam, mas os servidores ficam. Por isso é importante inserir e estimular o trabalho do servidor, pois ele é quem vai dar continuidade à gestão.

Reforço que a realidade hoje aos meus CEM MIL COLEGAS SERVIDORES PÚBLICOS que a valorização do servidor não significa apenas salário, mas condições dignas de trabalho. Onde o Estado precisa investir em ambientes de qualidade para o trabalhador e bom atendimento ao cidadão que é quem realmente paga os nossos salários.

Embora temos vários segmentos e como tal cada qual tenha sua reivindicação, os problemas apontados são os mesmos. O governo precisa investir nos seus órgãos e instituições. A falta de planejamento e a falta de compromisso com a coisa pública podem levar ao sucateamento a prestação dos serviços públicos essenciais. Além do cidadão, que não tem serviço prestado com qualidade, o servidor público também é penalizado, pois não consegue exercer suas atribuições por falta de estrutura.

Nesse período da Gestão Pedro Taques ocorreu uma crise financeira que derrubou economias de Estados Ricos com Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul onde pudemos perceber que a crise na gestão pública não decorre da falta de ideias, nem de bons técnicos e servidores, mas sim da estrutura ineficiente e descomprometida com o interesse público, da ausência da prática de planejamento e monitoramento das políticas, da famigerada CORRUPÇÃO e da apropriação da “coisa pública” por certos grupos.

Sabemos que, muitas vezes, o governante escuta somente os secretários e assessores e não conhece a realidade. Tá na hora de mudar isso. Eu vejo que o Pedro Taques amadureceu nesse seu “Début” no Executivo, e hoje certamente é um governador mais participativo que está passando a ouvir mais os cidadãos e os segmentos. É muito mais fácil jogar pedras, e o pior é quando se é uma equipe, acredita e parte dela se volta após lhe acompanhar por toda uma trajetória e este vir a lhe virar as costas e ainda lhe atacar de forma venosa e ferrenha. A política não é isso.

Hoje temos mais servidores Públicos de Carreira ocupando Cargos de Confiança, vimos que apesar da crise financeira assolando nosso País o governo conseguiu cumprir com TODAS LEIS DE CARREIRA garantindo um salário condizente e dando dignidade ao trabalhador, inseriu novos servidores públicos através de concurso público desafogando setores da Educação, Saúde e Segurança; inaugurou novos núcleos de serviços públicos como Ganha-Tempo, Defesa Agropecuária, Segurança, departamento de trânsito, entre outros. Ou seja não houve o retrocesso que até alguns grupos queriam pois há quem torce somente pra ver o circo pegar fogo.

A sociedade Amadureceu, O governo Amadureceu, Os servidores públicos Amadureceram. Para tudo dar certo é preciso participação e integração como um time, não é uma equação fácil, gerir é uma tarefa árdua e requer comprometimento, seriedade e vocação. Estamos em um ano de definições políticas. Acredito que Mato Grosso está se REESTRUTURANDO por tudo que sofreu e precisava sair da UTI porém se comparar com outros Estados da Federação teremos a certeza que nossa terra, nosso amado Estado está se recuperando bem e logo terá alta entretanto o trabalho NÃO PODE PARAR. Devemos sim refletir muito sobre o Estado que queremos não apenas para nós mas para nossos filhos e nossa família que é quem mais amamos e que somos não cem mil somos sim três milhões de Almas Mato-grossenses.

Vamos continuar servindo a sociedade da melhor maneira possível pois JUNTOS PODEMOS MAIS.

Max Campos é Servidor Público Estadual e Articulista Político.

FB: https://www.facebook.com/MaxCamposCuiaba

Mostrar +

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close